Categories: Notícias

A mídia social está alvoroçada com a imagem do ‘chefe do COI Bach’ passeando por Tóquio

A mídia social tem estado em alvoroço com fotos e vídeos mostrando um homem que se acredita ser o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, passeando no elegante distrito de Ginza, em Tóquio, apesar das rígidas restrições ao coronavírus impostas a atletas e oficiais para os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Tóquio.

Sua suposta saída na segunda-feira, um dia após o término dos 17 dias das Olimpíadas de Tóquio, ocorreu apesar dos pedidos de residentes na capital para evitar passeios desnecessários e não urgentes em meio ao ressurgimento de infecções. O primeiro-ministro Yoshihide Suga colocou Tóquio em estado de emergência contra o coronavírus até 31 de agosto.

O homem que se acredita ser o presidente do Comitê Olímpico Internacional, Thomas Bach, foi visto caminhando no distrito de Ginza, em Tóquio, na segunda-feira. | CORTESIA DE UM PASSAGEIRO / VIA KYODO

Uma postagem no Twitter dizia: “Encontrei o presidente Bach em Ginza !!” com um vídeo de uma pessoa que parece ser Bach, usando máscara e camisa pólo, respondendo a ligações para fotos tiradas por outros pedestres em uma rua comercial de Ginza.

Quando questionado sobre a caminhada de Bach em Ginza, o ministro olímpico do Japão, Tamayo Marukawa, disse em uma entrevista coletiva na terça-feira: “O que constitui um passeio não essencial e não urgente depende do próprio Bach.

Um conjunto de regras para oficiais afiliados às Olimpíadas, conhecido como “playbook”, afirma que nos primeiros 14 dias após a entrada no Japão, suas atividades são restritas ao que delinearam em seus planos de atividades, disse o secretário-chefe de gabinete Katsunobu Kato em um conferência de imprensa separada.

Segundo ele, Bach chegou ao Japão no dia 8 de julho e sua permanência no país já passou de 14 dias.

Durante as Olimpíadas, dois judocas da Geórgia, as medalhistas de prata Vazha Margvelashvili e Lasha Shavdatuashvili, foram expulsos dos Jogos e privados de credenciamento por terem saído da vila dos atletas para passear, violando os protocolos da COVID-19.

Em uma época de desinformação e muita informação, jornalismo de qualidade é mais crucial do que nunca.
Ao se inscrever, você pode nos ajudar a contar a história da maneira certa.

INSCREVA-SE AGORA

GALERIA DE FOTOS (CLIQUE PARA AMPLIAR)

.

Artigos recentes

Tóquio reconhece direito de negociação coletiva dos trabalhadores do Uber Eats

As autoridades trabalhistas de Tóquio reconheceram a equipe de entrega do Uber Eats no Japão…

14 horas ago

JIP lança oferta pública da Toshiba até final de março

O fundo de investimento Japan Industrial Partners Inc. está considerando lançar uma oferta pública de…

15 horas ago

Grandes concessionárias do Japão enfrentarão quantidade recorde de multas antitruste

O órgão fiscalizador do comércio do Japão provavelmente imporá uma quantidade recorde de multas a…

16 horas ago

Filial do LDP liderada pelo ministro da reconstrução Kenya Akiba pagou taxas à Igreja da Unificação

Um ramo do Partido Liberal Democrático liderado pelo ministro da reconstrução, Kenya Akiba, pagou 24.000…

16 horas ago

Xi diz a Kim que China está disposta a trabalhar com a Coreia do Norte pela ‘paz mundial’

Seul – O presidente chinês, Xi Jinping, disse ao líder norte-coreano, Kim Jong Un, que…

16 horas ago

Incêndio mortal em Xinjiang desperta raiva na política ‘COVID-zero’ da China

Pequim – Um incêndio mortal na região de Xinjiang, no noroeste da China, provocou uma…

16 horas ago

Este site usa cookies.